Dia do Trabalhador: as imagens do 1º de Maio pelo mundo

Todos os anos, o dia 1º de Maio é usado para comemorar muitas coisas: do início da primavera no Hemisfério Norte à luta pelos direitos dos trabalhadores.

A BBC reuniu imagens de celebrações em vários países – da Indonésia ao México.

Direito de imagem AFP

Milhares de pessoas celebraram o 1º de maio na Rússia, onde o dia é feriado nacional. A maior festa ocorreu na Praça Vermelha, em Moscou.

Direito de imagem Sebastião Moreira/EPA

Milhares de trabalhadores se reuniram no centro de São Paulo para comemorar o Dia do Trabalhador.

Direito de imagem Carl de Souza/AFP

Mulheres devotas da comunidade religiosa Vale do Amanhecer, nos arredores de Planatina, a 50 km de Brasília, oram durante a maior cerimônia do ano em seu complexo de templos da comunidade.

O grupo realiza seu ritual mais importante do ano no Dia do Trabalhador para homenagear os médiuns que se comunicam com bons e maus espíritos.

Direito de imagem AFP

Muitos trabalhadores realizaram um protesto em Jacarta, capital Indonésia de Jacarta. Houve confrontos esporádicos entre manifestantes e policiais durante a manifestação na cidade.

Direito de imagem Getty Images

“Somos trabalhadores, não escravos”. A frase fez parte de um protesto de imigrantes em Hong Kong, na China.

Direito de imagem AFP

Grandes comícios foram realizados em diversas cidades da França, onde os sindicatos fizeram suas tradicionais marchas. Esta imagem mostra os manifestantes em Estrasburgo.

Direito de imagem Reuters

A polícia na Turquia impediu que manifestantes marchassem na Praça Taksim, em Istambul.

Direito de imagem PATRICIA DE MELO MOREIRA-AFP

Em Lisboa, Portugal, manifestante levaram um boneco do primeiro-ministro Antonio Costa.

Direito de imagem Getty Images

Na África do Sul, trabalhadores participaram de um comício ao norte da cidade de Durban, organizado pelo maior sindicato do país.

Direito de imagem Reuters

Soldados cubanos participaram de um grande desfile em Havana. O ex-presidente Raúl Castro estava entre os presentes.

Direito de imagem AFP

O líder da oposição da Venezuela, Juan Guaidó, fez uma manifestação em Caracas. Ele pediu um protesto maciço para aumentar a pressão sobre o presidente Nicolás Maduro.

Direito de imagem Getty Images

Mas o 1º de maio não foi apenas um dia de manifestações políticas. No sul da Alemanha, um tradicional festival apresentou danças e músicas.

Direito de imagem Getty Images

Na China, o 1º de maio marca um feriado nacional – na data, as pessoas costumam viajar. Nesta imagem, a polícia paramilitar chinesa monta guarda enquanto as pessoas fazem um passeio em Xangai.

Direito de imagem NurPhoto

Em Bangladesh, músicos tradicionais participaram de um comício na capital Dakha.

Direito de imagem PA

Na Grã-Bretanha, o dia é visto por alguns como uma oportunidade para exibir uma forma tradicional de dança. Esses dançarinos de Morris conseguiram pegar o nascer do sol em Yorkshire.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Fonte: BBC

Comentários Facebook