Nova funcionária do aeroporto de San Francisco é uma porquinha

Aviso aos passageiros: em caso de tensão, faça um cafuné na porquinha

access_time 8 out 2018, 19h59 – Publicado em 7 dez 2016, 16h15

Com a nova moda de usar bichinhos fofos como terapia de voo em aeroportos, o Aeroporto Internacional de San Francisco contratou uma porquinha megafofa para cuidar dos pacientes nervosinhos nas salas de embarque.

LiLou é (obviamente) a primeira porquinha a trabalhar como terapeuta de aeroporto no mundo. Com suas unhas pintadas e seus vestidinhos fashion, ela está causando ataques nos passageiros – ataques de fofura e faniquitos extremos, diga-se. Há relatos de pessoas vomitando arco-íris antes de embarcar nos voos. Brinks.

O aeroporto mantém uma equipe de bichos terapeutas desde 2013. Os “funcionários” passam por uma criteriosa seleção, e os escolhidos devem ter o temperamento amigável e se darem bem em um ambiente agitado como o de um aeroporto. Eles ainda vestem roupinhas com os dizeres “Pet me!”, que significa algo como “vem cuidar de mim!”. São mais de 300 animais, entre cachorros, gatos e coelhos. E agora temos a LiLou. Como resistir, gente, COMO?

Fotos do primeiro dia de trabalho da Lilou. Lacrou! (foto: Instagram/@lilou_sfpig)Fotos do primeiro dia de trabalho da LiLou. Lacrou! (foto: Instagram/@lilou_sfpig)

Se não está nos seus planos passar pelo aeroporto de SanFran tão cedo, fique calmo, pegue um saquinho, respire e abra o Instagram da LiLou. ADVERTÊNCIA: as fotos exibem altos níveis de fofura, quase insuportáveis para pessoas insensíveis.

Fonte: Viagem e Turismo

Comentários Facebook