Plano de Trump negaria residência a pessoas usando assistência do governo

entrevistas de casamentoO governo Donald Trump emitiu uma nova regra nesta segunda-feira (12) que permitiria que autoridades federais negassem os green cards a milhares de imigrantes usando assistência do governo.

“Para proteger os benefícios para os cidadãos americanos, os imigrantes devem ser financeiramente auto-suficientes”, disse o presidente Donald Trump em um comunicado da Casa Branca.

A regra, programada para entrar em vigor em 15 de outubro, basicamente permitiria aos funcionários da imigração negar a residência a pessoas usando food stamps, medicaid, etc. Outros fatores que podem influenciar a decisão seriam a saúde, educação e renda familiar do candidato.

Críticos acusam o governo Trump de tentar reduzir o número de imigrantes legais através do que o governo chama de regra de “encargo público”.

Em um tweet, o National Immigration Law Center descreveu a proposta como “um teste de riqueza motivado por uma corrida em famílias imigrantes que buscam um futuro saudável e estável nos EUA. Se isso entrar em vigor, terá um impacto devastador em milhões. Nós iremos lutar contra isso. Fique ligado nas atualizações. ”

Ken Cuccinelli, diretor interino do US Citizenship and Immigration Services, disse que o objetivo da regra é promover a “auto-suficiência” entre a população imigrante.

“Através da regra do encargo público, a administração do presidente Trump está reforçando os ideais de auto-suficiência e responsabilidade pessoal, garantindo que os imigrantes possam se sustentar e se tornar bem-sucedidos aqui na América”, disse ele. Com informações do USA Today.

Relacionada:

Defensores questionam o destino de crianças imigrantes removidas de Homestead

O post Plano de Trump negaria residência a pessoas usando assistência do governo apareceu primeiro em .

Fonte: Gazeta News

Comentários Facebook