Putin diz apoiar investigação de  perseguição a gays na Chechênia

As autoridades russas devem apoiar a investigação das supostas perseguições de homossexuais na Chechênia, declarou nesta sexta-feira (5) o presidente russo, Vladimir Putin, três dias depois da chanceler alemã, Angela Merkel, questioná-lo sobre esse tema.

Fonte: G1