Porto (nem tão) Rico: entenda crise que levou território a declarar maior falência pública da história dos EUA

Direito de imagemReuters.

Medidas de austeridade impostas pelo governo do território geraram protestos no 1º de Maio Na quarta-feira, o governador de Porto Rico, Ricardo Rosselló, anunciou que o território americano vai decretar falência para tentar reestruturar sua dívida pública, estimada em mais de US$ 70 bilhões.

A medida foi tomada meses depois de o governo ter decretado moratória, o que impedia credores de ir à Justiça para exigir o pagamento. Trata-se da maior falência pública da história dos EUA.
A ilha caribenha enfrenta uma grave crise econômica, com 45% de sua população vivendo em estado de pobreza – mais de três vezes o percentual dos Estados Unidos. E o fato de seus cidadãos terem direito a passaporte americano faz com que Porto Rico sofra intensa migração: a ilha tem 3,4 milhões de habitantes, enquanto mais de 5 milhões de porto-riquenhos vivem nos EUA.

Conheça os segredos que os hotéis não contam Por que as galinhas são muito mais inteligentes do que você imaginaMas quais são as razões que levaram Porto Rico a essa situação calamitosa – e o que tem sido feito?
Direito de imagemReuters.

Ricardo Rosselló assumiu o governo de Porto Rico em janeiro 1) Efeito bola de neve
A dívida de Porto Rico tem origem em uma crise econômica iniciada em 2005, quando o governo americano acabou com incentivos fiscais para empresas do país baseadas na ilha, o que tinha sido uma importante fonte de investimentos para o território durante mais de 20 anos.

Fonte: BBC