Para onde vai a Venezuela? 4 possíveis cenários após a onda de protestos no país

Direito de imagemAFP.

Os protestos na Venezuela já duram três semanas Em conversas informais, muitos venezuelanos estão certos de que o país passará por um golpe de Estado, uma intervenção estrangeira, ou um massacre.

No entanto, eles também sabem que prever o futuro, por mais que lhes apeteça, é mais difícil neste país do que em quase todas as outras partes do mundo.
Em meio a uma onda de protestos que, segundo as autoridades, deixaram 26 mortos e centenas de feridos, traçar cenários é extremamente complicado.

6 questões-chave para entender como a Coreia do Norte se tornou uma ‘nação pária’A misteriosa mulher que parou um tanque durante protestos contra o governo na Venezuela“Há mais ruído que sinais”, diz Luis Vicente León, consultor e pesquisador especializado em assuntos venezuelanos.
Direito de imagemAFP.

Grupos opositores mais violentos e radicais poderão ter papel decisivo nos desdobramentos da crise Mas apesar da dificuldade, especialistas acreditam em quatro possíveis desdobramentos.
1. Mais confrontos
Violência e ebulição social já vêm crescendo na Venezuela. De acordo com o grupo de estudos Observatório de Conflitos Sociais, são em média de 60 homicídios e 18 protestos a cada dia.Por que os EUA acusam o vice-presidente da Venezuela de narcotráfico?Mas a violência ainda pode crescer.

Fonte: BBC