Os pais que submetiam filhos a pegadinhas no YouTube – e perderam a guarda de 2 deles

Casal se defende dizendo que atuavam na maioria das brincadeiras gravadas em vídeo e divulgadas em canal do YouTube Um pai e a madrasta perderam a guarda de dois de seus cinco filhos depois que divulgaram vídeos no YouTube nos quais faziam “pegadinhas” com as crianças.

Eles mantinham um canal no YouTube, o DaddyOFive (Pai de Cinco, em português), no qual divulgavam filmes dos trotes que pregavam nos filhos – muitos deles terminavam com estes aos prantos.
Num dos vídeos, o casal diz ao caçula, Cody, de 9 anos, que ele seria adotado por outra família e filma a reação do garoto.

Mike e Heather Martin, de Maryland, nos Estados Unidos, negaram que os vídeos sejam abusivos. Eles alegam que a maioria deles é falsa – que as pegadinhas seriam, na verdade, encenadas.
A mãe biológica, Rose Hall, recuperou a guarda de duas das crianças.A droga barata que pode evitar um terço das mortes de mulheres após o partoEstado indiano distribui porretes para noivas se protegerem de maridos bêbadosO que a soltura de Dirceu diz sobre os rumos da Lava Jato”Emma (de 12 anos) e Cody estão comigo, tenho a guarda emergencial.

Fonte: BBC