‘Não confie em nós alemães. Em uma crise, autoritarismo pode voltar’, adverte filho de criminoso nazista

.

O pai de Niklas Frank foi governador-geral da Polônia durante a ocupação alemã Até os sete anos de idade, Niklas Frank teve uma infância privilegiada, em que brincar de esconde-esconde no castelo Wavelm, na Cracóvia (Polônia), era uma atividade comum.

Tudo mudaria em 1945, quando seu pai foi preso por soldados americanos em Tegernsee, no sul da Alemanha, e o filho descobriu seu papel no Holocausto: Hans Frank foi o homem que Hitler nomeou governador-geral da Polônia quando tropas nazistas ocuparam o país, em 1939.
Frank foi também um dos responsáveis pela aplicação da política de extermínio de judeus – quatro dos seis campos de extermínio estavam sob sua jurisdição.

Condenado por crimes contra a humanidade nos julgamentos de Nuremberg e pelo envolvimento na morte de ao menos quatro milhões de pessoas, Hans Frank foi enforcado em outubro de 1946.Confira quantas horas você precisa dormir de acordo com sua idade E o filho passou boa parte de sua vida lidando não apenas com a herança maldita dos atos do pai, mas com o temor de que possam se repetir na Alemanha.

Fonte: BBC