Irmã de ‘mulher mais obesa do mundo’ acusa médicos de mentir sobre perda de 250 kg após operação

Direito de imagemSaifee hospital.

Eman Abd El Aty estaria pesando cerca de 250 kg, mas irmã contesta perda de peso apontada por hospital A irmã da egípcia Eman Abd El Aty, conhecida como “a mulher mais obesa do mundo”, acusou os médicos de mentirem sobre a perda de peso dela após passar por uma cirurgia na Índia.

Eman foi operada no hospital Saifee, em Mumbai. Na semana passada, a instituição médica divulgou que ela havia perdido 250 kg.
Mas a irmã da mulher contestou o hospital. Disse ainda que o estado de saúde de Eman é delicado porque ela pode ter sofrido um acidente vascular cerebral (AVC) durante a internação. O hospital negou veementemente as acusações.

A controvérsia começou na última segunda-feira, quando a irmã de Ema, Shaimaa Selim, divulgou um vídeo na internet dizendo que sua irmã não está conseguindo falar nem se movimentar e que Eman não teria perdido tanto peso quanto diz o hospital.Como é a vida do ‘ciborgue’ americano Chris Dancy, o homem mais conectado do mundo ‘Foi você que escreveu isso?’: conheça bióloga brasileira que ganhou prêmio global de ciênciaNesta terça-feira, Shaimaa falou à BBC: “Ele (médico Muffazal Lakdawala, que comandou a cirurgia) não a pesou antes e depois da operação.

Fonte: BBC