Duas turistas americanas são atacadas com ácido na França

Duas turistas americanas na faixa dos 20 foram atacadas com ácido clorídrico no rosto, neste domingo de manhã, em Marselha (sudeste da França) por uma mulher que sofreria de problemas mentais – informou a Polícia local.

Por volta das 9h (4h, horário de Brasília), “uma mulher, que se pode dizer que apresenta problemas psicológicos, aspergiu os olhos das pessoas que estavam perto dela, no corredor da estação Saint-Charles”, disse a fonte policial, confirmando a informação do jornal local “La Provence”.

“Não tem aspecto terrorista nessa agressão”, acrescentou a mesma fonte, acrescentando que a agressora não escolheu o grupo de quatro turistas americanas em função de sua identidade.

As duas vítimas deixaram o hospital no meio da tarde. Uma delas delas apresenta “perda de 50% da acuidade visual”, completou a fonte da Polícia.

Interrogada e colocada sob custódia, a agressora, de 41 anos, é conhecida da Polícia, sobretudo, por roubo. O ataque teria sido uma maneira de mostrar que ela “foi vítima de violência com ácido” mais jovem.

* AFP