BBC visita alvo de ‘Mãe de Todas as Bombas’: ataque de Trump afetou mesmo o Estado Islâmico?

.

Repórter Auliya Atrafi foi ao local de queda de bomba lançada pela gestão Donald Trump contra Estado Islâmico no Afeganistão Os Estados Unidos lançaram neste mês uma de suas maiores bombas não nucleares em um complexo de túneis usado pelo grupo autodenominado Estado Islâmico (EI) no leste do Afeganistão. Foi a primeira utilização dessa arma em batalha.

O correspondente da BBC Auliya Atrafi foi ao local do bombardeio para verificar se o ataque causou, de fato, algum impacto sobre o EI. Leia abaixo o relato do repórter:
“A vista sobre o vale é linda, com campos verdes e árvores. O vale vai se estreitando e as colinas se transformam em montanhas. Mais adiante está a Montanha Branca, que marca a fronteira entre Paquistão e Afeganistão.

A nova função do WhatsApp que permite responder mensagens específicas em conversas de grupoMas foi impossível contemplar a vista com aviões de combate americanos circulando a área e lançando bombas. Uma delas atingiu a parte mais estreita do vale. Ali, segundo um jovem soldado, caiu o explosivo conhecido como “mãe de todas as bombas”.

Fonte: BBC