SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Um ataque a tiros em uma escola cristã de Nashville, no sul dos Estados Unidos, deixou nesta segunda-feira (27) pelo menos sete mortos, incluindo a suspeita, dizem autoridades da cidade. Ao menos três são crianças.

A atiradora abriu fogo na Covenant School e foi morta pela polícia.

Essas três crianças foram declaradas mortas após chegarem ao hospital infantil Monroe Carell Jr. em Vanderbilt, disse John Howser, porta-voz do hospital, em um comunicado, de acordo com o canal de notícias local WKRN-TV.

O Corpo de Bombeiros de Nashville afirmou que atende “vários pacientes” no local. Os pais dos alunos foram instruídos a se reunir em uma igreja próxima.

A Covenant School foi fundada em 2001, é da Igreja Presbiteriana Covenant e tem cerca de 200 alunos, de acordo com o site da escola. A instituição atende até a 6ª série.