Por irregularidades, Câmara afasta prefeito e vice assume prefeitura em Acorizal (MT)

Segundo a Câmara, Clodoaldo foi denunciado no órgão pelos crimes de responsabilidade fiscal, omissão de informações, atraso de repasses constitucionais (duodécimo), infrações políticas e administrativas, nomeação irregular de secretário ao custo de R$ 9 mil, por não enviar balancetes, desconto e não pagamento das contribuições previdenciárias (apropriação indébita), além de outras irregularidades.

Fonte: G1