Para roqueiros, programação da segunda semana é a que vale; confira

15/09/201721h42Quem acha que no Rock in Rio 2017 deveria escalar somente atrações de rock, como seu nome sugere, volta sua atenção para a segunda semana do evento. Pelo menos no Palco Mundo, o principal do festival, o gênero impera.
Os headliners (atrações que encerram cada noite de um festival) são nomes consolidados no cenário roqueiro: Aerosmith, grupo formado nos anos 1970, Bon Jovi, surgido na década seguinte, assim como Guns N’ Roses e Red Hot Chili Peppers.
No sábado, a produção do Rock in Rio defende que são dois headliners: The Who, que toca às 22h30, e Guns N’ Roses, que entrará no palco já na madrugada de domingo. É uma nomenclatura capenga para resolver uma situação delicada.
Lenda do rock desde os anos 1960, banda que ganhou o mundo com a ópera-rock “Tommy” e uma série de outras canções transformadas em clássico, o Who é pouco conhecido pelo público mais jovem, que é a maior parte da multidão no Rock in Rio.
O Guns, apesar de também veterano, fez turnês seguidas no país e tem aqui uma legião de seguidores. A relevância do Who poderia indicá-lo para ser o “fechador” da noite, mas certamente parte do público que assistisse antes ao Guns poderia ir embora antes do último show.

Fonte: Folha de S.Paulo