História de família de Rubem Fonseca inspira novela

17/09/201702h00Para dar trégua no noticiário abarrotado de denúncias de corrupção e casos de violência, a Globo faz uma aposta na água com açúcar.
“Tempo de Amar”, nova novela da faixa das 18h que estreia no dia 26 de setembro, vai falar de um romance no estilo “Romeu e Julieta”.
O casal protagonista, ela rica, ele pobre, precisa enfrentar as respectivas famílias e a distância –ela em Portugal, ele no Brasil– para ficar junto. A dupla se apaixona no país europeu em 1927. Grávida, a mocinha é levada a um convento enquanto o bebê é dado para adoção.
“Durante a Primeira e a Segunda Guerra Mundial, a Broadway era um grande sucesso. Não que ela hoje não seja, mas as pessoas buscavam um respiro, elas precisavam disso”, diz Tony Ramos, que vive José Augusto, o pai da mocinha. “Discutir o amor é um bálsamo e o público clama por isso, por fantasia.”
Quem escreve o novo folhetim é Alcides Nogueira, mas a ideia original não é dele. “Tempo de Amar” parte de uma história familiar contada por Rubem Fonseca, que teria acontecido com seus avós.

Fonte: Folha de S.Paulo