'Greg News' estreia com mordacidade, mas escolhe alvos fáceis

O site de entretenimento da Folha
Os talk shows de sátira política são comuns na TV americana desde o começo da década de 1990. Programas como “Politically Incorrect” e “The Daily Show” inventaram uma mistura inédita de noticiário, entrevistas e humor, e logo se tornaram a principal fonte de informação do público com menos de 40 anos.
Por aqui, o mais parecido que tivemos foi uma versão do formato argentino “Caiga Quien Caiga”, rebatizado de “Custe o que Custar” para manter a sigla CQC. Exibido pela Band de 2008 a 2015, alcançou enorme repercussão e lançou inúmeros talentos, mas saiu do ar por falta de anunciantes.
Anunciantes não são um problema para a HBO, que só veicula chamadas de sua própria programação durante seus intervalos. Desde 2014, a emissora transmite “Last Week Tonight”, o mais cáustico dos muitos talk shows políticos atualmente no ar nos Estados Unidos.
Comandado pelo humorista inglês John Oliver, Last Week Tonight ganhou uma pá de Emmys nos últimos dois anos. Como é semanal (ao contrário de muitos concorrentes, que são diários), seus roteiristas têm mais tempo de burilar o roteiro, mas perdem o imediatismo.

Fonte: Folha de S.Paulo

Comentários Facebook

FN

Deixe uma resNotíciaa

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *