Fora de controle, estação espacial chinesa vai cair na Terra nos próximos meses

Com 8,5 toneladas, a Tiangong-1 ficou fora de controle no ano passado Foto: China’s Manned Space EngineeringPEQUIM — A Tiangong-1 (Palácio Celeste 1) está acelerando sua descida descontrolada e deve se chocar contra a superfície do planeta nos próximos meses. Lançada em 2011, a estação espacial de 8,5 toneladas foi símbolo dos avanços científicos da China, e chegou a receber tripulantes, incluindo Liu Yang, a primeira astronauta chinesa. Mas no ano passado, autoridades do país confirmaram terem perdido controle da espaçonave, e a queda deve acontecer entre outubro e abril de 2018.
— Agora o seu perigeu está abaixo de 300 quilômetros, dentro da atmosfera mais densa, e a taxa de decaimento está aumentos — avaliou Jonathan McDowell, astrofísico da Universidade de Harvard, em entrevista ao “Guardian”. — Espero que ela caia dentro de alguns meses.
A expectativa é que a maior parte da estrutura queime durante a reentrada na atmosfera, mas McDowell acredita que algumas peças relativamente grandes, de até 100 quilos, alcancem a superfície do planeta.
De acordo com o especialista, as chances de uma pessoa ser atingida pelos destroços é remota, mas o governo chinês se comprometeu com as Nações Unidas a monitorar a estação e informar quando acontecerá o mergulho final.

Fonte: Extra Online