Falha no sistema de controle dos trens fecha estações da linha 5-lilás do Metrô

14/09/201705h39 – Atualizado às 07h00Após problemas no sistema de controle dos trens, as estações da linha 5-lilás do Metrô (Capão Redondo-Brooklin) voltaram a operar com velocidade reduzida às 6h37 desta quinta-feira (14).
Segundo o Metrô, o problema afetava o trecho entre as estações Capão Redondo e Adolfo Pinheiro desde o início das operações às 4h40.
Equipes de manutenção da empresa fizeram reparos e por volta das 6h o problema tinha sido resolvido. Antes de liberar a circulação dos trens, ainda foi feita uma inspeção na rede, de acordo com o Metrô.
O Paese (Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência) com 30 ônibus foi desativado.
PROBLEMAS
Com quase três anos de atraso, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) inaugurou na semana passada três novas estações da linha 5-lilás sem que as obras de acabamento tenham terminado.
Infiltrações, vazamentos, vidros estilhaçados e elevadores em manutenção ou já quebrados foram falhas encontradas nas paradas.
No dia da inauguração, os bombeiros foram acionados para resgatar um passageiros que ficou preso em um dos elevadores da estação Brooklin por cerca de 30 minutos. O equipamento foi desligado logo depois, por precaução
Vazamentos e infiltrações também ficaram aparentes nas paredes das estações e nos pisos cheios de marcas de goteiras.

Fonte: Folha de S.Paulo