STF liberta José Dirceu; veja a trajetória do ex-homem-forte de Lula, do auge à derrocada

Direito de imagemDivulgação TV Brasil.

Dirceu ao ser detido em 2015; Supremo concedeu habeas corpus ao ex-homem forte do governo Lula Preso havia quase dois anos em Curitiba, o ex-ministro José Dirceu teve habeas corpus concedido nesta terça-feira pelo Supremo Tribunal Federal – fazendo dele o quarto acusado da operação Lava Jato a ser libertado nas últimas semanas pelo STF.

Dirceu fora condenado duas vezes pelo juiz Sergio Moro no caso, com sentenças que somam 32 anos de prisão. Agora, ele poderá responder em liberdade até uma decisão em segunda instância.
Votaram contra o habeas corpus os ministros Edson Fachin e Celso de Mello. A favor de sua soltura, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski. Gilmar Mendes desempatou o placar, em decisão favorável ao ex-ministro – o tribunal já havia autorizado a soltura do ex-tesoureiro do PP João Carlos Genu e dos empresários José Carlos Bumlai e Eike Batista, também presos na Lava Jato.

Caixa 2 eleitoral é menos grave que corrupção?Bolsonaro ‘jamais terá base’ para vencer eleição, afirma Tarso GenroEx-homem forte do governo Lula (2003-2010), Dirceu havia sido condenado por lavagem de dinheiro, corrupção ativa e passiva dentro das investigações da Lava Jato de desvios na Petrobras.

Fonte: BBC