Falso advogado que enganava imigrantes na Flórida pega mais de 20 anos de prisão

Elvis Harold Reyes, de 56 anos, foi condenado nesta segunda-feira (12) a vinte anos e nove meses de prisão pela Corte Federal da Flórida, depois de se declarar culpado de dezenas de acusações relacionadas a um esquema sofisticado para enganar imigrantes indocumentados nos EUA.

A fraude foi descoberta ano passado mas, segundo  os investigadores, Reyes operava desde 2016, tendo como alvo imigrantes de países hispânicos.

Além de falso advogado, ele atuava como pastor na igreja evangélica Ministério EEHR Ministries Inc, em Brandon, próximo à Tampa, e usava o caixa da instituição para lavar o dinheiro recebido dos golpes que aplicava. “O Ministério fazia as vítimas confiarem nele e não questionar seus caros serviços”, disseram os promotores no memorando de condenação.

Segundo o documento, ele “cobrava em média cinco mil dólares para ‘providenciar’ uma carteira de motorista ou autorização de trabalho e, durante anos, viciou o sistema de imigração para lucro pessoal”.

Dezenas de vítimas do golpista estiveram presentes na audiência de sentença desta segunda-feira e falaram sobre a dor que ele causou a elas e suas famílias, conforme reportou o jornal Tampa Bay Times.

Carmen Sanchez, uma das vítimas,  disse que seu filho foi deportado para o México mesmo após pagar Reyes para garantir seu status legal. “Quando reclamamos com ele, ameaçou chamar as autoridades de imigração para virem às nossas casas nos procurar”, disse a mulher.

Outra imigrante de Tampa contou que adiou um tratamento de câncer no início de 2018 para que pudesse pagar mais de quatro mil dólares para o falso pastor “resolver sua permanência na Flórida”.

No site do Ministério EEHR, Reyes descreveu a suposta instituição como uma “organização religiosa sem fins lucrativos e uma organização 501 (C) 3 registrada no IRS” e um “provedor de serviços de imigração certificado”.

O dinheiro que arrecadava dos imigrantes era empregado em um “estilo de vida luxuoso” que incluía roupas de grife, spa, joias e carros caros. Em fotos apreendidas durante a investigação, ele exibia maços de dinheiros. 

O histórico criminal do condenado incluíam 12 sentenças por fraude em cheques e instrumentos monetários e sete condenações por roubo. Ele também á havia sido flagrado assinando cheques sem fundos para comprar uma casa e usando o Social Security Social de outra pessoa para obter um empréstimo.

The post Falso advogado que enganava imigrantes na Flórida pega mais de 20 anos de prisão first appeared on AcheiUSA. Fonte: AcheiUSA

Comentários Facebook