Enfermeira doa parte do fígado a criança de oito anos que estava em grave condição de saúde

Como enfermeira de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), Cami Loritz
está acostumada a cuidar de pacientes graves e participar de histórias de vidas
tristes e alegres. A história do menino Brayden Auten, de oito anos, chamou a atenção
da enfermeira do Froedthert Hospital no Wisconsin.  

Brayden contraiu um vírus misterioso que, rapidamente, estava
‘devorando’ seu fígado e ele precisava de um transplante o quanto antes. A saúde
da criança estava piorando a cada dia e os pais desesperados para conseguir um
doador.

Familiares e amigos fizeram o teste de compatibilidade, mas
ninguém era compatível. Até que a enfermeira Loritz se ofereceu para fazer o
teste, ela era compatível e resolveu doar parte do seu órgão ao menino, que ela
não conhecia.

Uma parte do fígado da enfermeira foi retirada pelos médicos
e implantada no corpo de James. O fígado é capaz de se regenerar completamente.
A cirurgia foi um sucesso.

“Conheço toda a equipe de transplante e fui muito bem cuidada por nove dias pelos meus queridos colegas de trabalho”, disse a enfermeira. (Com informações da CNN)

Fonte: AcheiUSA

Comentários Facebook