O que é a ‘contabilidade mental’ pela qual Nobel de Economia explica como nosso gastos são irracionais

Por exemplo, embora tenhamos acesso a informações sobre alimentos saudáveis, ainda assim, frequentemente, escolhemos fast food. Pressa, hábito e comodidade nos empurram, neste caso, a optar pela opção mais prejudicial à saúde.

Fonte: G1