D25 6 033 1200 Desempregados podem obter o benefício expandido de US$ 600 em NJ
O Estado ainda aguarda mais orientações do Governo Federal sobre a ampliação para os trabalhadores que normalmente não são cobertos pelo auxílio desemprego

Os US$ 600 serão um benefício adicional durante 13 semanas, independentemente de quando os beneficiários começarem a receber o auxílio desemprego

Os trabalhadores desempregados devem poder começar a receber o auxílio desemprego expandido, que faz parte do pacote massivo de estímulo ao coronavírus na próxima semana. A “Assistência Pandêmica ao Desemprego”, um adicional de US$ 600 por semana que os trabalhadores receberão por 13 semanas; além dos subsídios regulares de desemprego do Estado,representam um grande benefício para os trabalhadores que perderam empregos ou tiveram suas horas reduzidas por causa da quarentena.

Os US$ 600 serão um benefício adicional durante 13 semanas, independentemente de quando os beneficiários começarem a receber o auxílio desemprego, informou Thomas Wright, porta-voz do Departamento de Trabalho (DOL) de New Jersey. É possível que os US$ 600 venham como um depósito separado e não como uma adição aos atuais cheques de benefícios, acrescentou.

“Entendemos que a ação que estamos tomando devido à essa emergência de saúde pública sem precedentes terá um impacto no cotidiano de centenas de milhares de residentes em New Jersey”, disse Wright.

Exceto em circunstâncias imprevistas, o DOL do estado “estima  que esses pagamentos sejam iniciados na próxima semana”, acrescentou.

O Estado ainda aguarda mais orientações do Governo Federal sobre a ampliação para os trabalhadores que normalmente não são cobertos pelo auxílio desemprego, como trabalhadores autônomos e que perderam renda por causa da pandemia de coronavírus. Os benefícios devem acontecer, entretanto, o Estado precisa de mais orientação federal, afirmou o órgão.

O mesmo vale para aqueles que já recebem o auxílio desemprego ou que esgotaram seus benefícios desde o início da pandemia. Os benefícios expandidos “geralmente permitem que os requerentes que esgotaram seus benefícios de desemprego desde 8 de julho de 2018 ou que esgotem suas 26 semanas de benefícios antes de 31 de dezembro de 2020 tenham mais 13 semanas a partir desta semana”, entretanto, New Jersey está aguardando a orientação dos federais, disse Wright.

Ele acrescentou que o estado está “se preparando ativamente para ajudar esses e novos solicitantes”.

“Entendemos completamente o quanto isso é importante para a vitalidade do nosso estado”, disse Wright. “Devido ao volume extremamente alto de petições que entram em nossos sistemas, queremos que todos os residentes saibam que estamos trabalhando sem parar para garantir que todos os beneficiários recebam todos os benefícios que merecem”.

Segue abaixo todos os casos em que sejam possíveis solicitar o auxílio desemprego, de acordo com a DOL:

. Trabalhador infectado pelo coronavírus;
. Pessoa que está desempregada porque o empregador fechou voluntariamente;
. Pessoa que está desempregada porque o empregador recebeu ordem de fechar;
. O trabalhador tem menos horas disponíveis devido a lentidão nos negócios ou falta de demanda;
. O empregador permanece aberto, desafiando o fechamento do Estado ou a ordem de saúde pública, e o trabalhador se recusa a trabalhar;
. É permitido ao empregador estar aberto, mas o trabalhador tem medo de se aglomerar e se recusa a trabalhar (auto-distanciamento);
. O trabalhador é aconselhado pelo médico ou pela autoridade de saúde pública a ficar em quarentena;
. Prestador de cuidados de saúde exposto no trabalho e recomendado pelo profissional médico à auto-quarentena;
. Empreiteiro independente, freelancer ou trabalhador que não tenha trabalho ou perdeu horas devido a emergências de saúde pública;
. Trabalhador recebeu 26 semanas de desemprego; trabalhador permanece desempregado.

Esses mesmos trabalhadores seriam elegíveis para o benefício expandido de US$ 600 por semana.

Fonte: Brazilian Voice