Depois de nove mortes de turistas americanos na República Dominicana, FBI entra no caso

O FBI está ajudando as autoridades da República Dominicana a investigar pelo menos nove mortes de turistas americanos em resorts do País nos últimos meses. A agência federal começou por analisar amostras de bebidas servidas no frigobar dos quartos do Bahia Principe Hotel, onde ocorreram algumas mortes. As informações são da CNN.

Além das bebidas, a água e instalações hidráulicas do resort também estão sendo analisadas pelas autoridades. Os resultados devem sair em 30 dias.

As mortes estão deixando os turistas americanos com medo e reticentes em viajar para o paradisíaco local. As autoridades da República Dominicana disseram, no entanto, que as mortes foram casos isolados.

A família de Joseph Allen, de 55 anos, de New Jersey, quer que seu corpo seja examinado por peritos. Allen foi encontrado morto no quarto de um dos hotéis na semana passada. Exames preliminares apontaram que ele sofreu um ataque cardíaco. A família contesta a versão e informa que a vítima passou por diversos exames antes de viajar e estava tudo bem.

As nove mortes de americanos aconteceram entre junho de 2018 e junho de 2019.

“Nos últimos cinco anos, mais de 30 milhões de turistas visitaram a República Dominicana e esta é a primeira vez que a mídia internacional está reportando essa situação. São incidentes isolados. A República Dominicana é segura”, disse o ministro do turismo Francisco Javier Garcia.

Além de Joseph Allen, as vítimas são:

Leyla Cox, de 53 anos, no dia 10 de junho no Excellence Resorts em Punta Cana;

Miranda Werner, de 41 anos, Nathaniel Holmes, de 63, e Cynthia Day, de 49, morreram no Grand Bahia Principe em La Ronama em maio;

John Corcoran morreu no fim de abril em um quarto de hotel ainda não informado.

Robert Wallace, de 67 anos, morreu no dia 12 de abril no Hard Rock Hotel & Casino.

David Harrison, de 45 anos, morreu em julho de 2018 também no Hard Rock Hotel & Casino.

Yvette Monique Sport morreu em junho de 2018 no Bahia Principe hotel.

Fonte: AcheiUSA

Comentários Facebook