Projeto que prevê mudanças no Plano de Carreira do Codau é encaminhado à Câmara em Uberaba

O presidente do Codau, Luiz Guaritá Neto, explica que outro motivo para acatar a mudança foi relativo à manutenção dos níveis de produtividade de todos os setores, em especial o operacional. Ele ressaltou que a autarquia fez estudos e a diminuição de ¼ da jornada diária deverá representar redução de custos de logística, locação de máquinas, combustível e horas ‘in itinere’, que é o tempo gasto pelo servidor, de ida e retorno, até o local da prestação dos serviços, já que a jornada de oito horas, implica em parada do almoço. “A nova lei trará resultados positivos para todos, incluindo os servidores, o Codau e a população”, completou ele.

Fonte: G1