Governo faz ofensiva para diminuir resistência de CNBB às reformas

O governo iniciou uma ofensiva para tentar diminuir a resistência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) ao texto da reforma da Previdência em tramitação no Congresso Nacional.

O ministro Antônio Imbassahy (Secretaria de Governo) foi pessoalmente a Aparecida para apresentar aos bispos católicos as mudanças feitas no texto durante a 55ª Assembleia-Geral da entidade.
O secretário da Previdência, Marcelo Caetano, também participou das conversas para explicar detalhas os números e mostrar o impacto nas contas públicas caso não haja mudança na regra atual de aposentadoria.
Além disso, o presidente Michel Temer falou pessoalmente com o núncio apostólico, o arcebispo italiano Dom Giovanni d’Aniello, representante diplomático da Santa Sé no Brasil. O encontro aconteceu esta semana no Palácio do Planalto.

Em nota divulgada em março, a CNBB fez duras críticas ao texto da reforma da Previdência enviado ao Congresso pelo governo.

Fonte: G1