Bolsonaro conversa sobre Venezuela, democracia e segurança com Almagro

O presidente Jair Bolsonaro, acompanhado da comitiva brasileira, teve reunião hoje (19) pela manhã com o secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), Luis Almagro, em Washington (EUA). Eles conversaram sobre a crise na Venezuela, os desafios para a democracia, direitos humanos, desenvolvimento e segurança, segundo relatos de Almagro.

Na sua conta no Twitter, Almagro destacou a importância do encontro com Bolsonaro. “Dialogamos com o presidente do Brasil Jair Bolsonaro sobre ações para incentivar conjuntamente na luta contra corrupção e crime organizado”, afirmou.

Presidente Jair Bolsonaro durante encontro com o Senhor Luis Almagro, Secretário-Geral da Organização dos Estados Americanos.

Presidente Jair Bolsonaro durante encontro com Luis Almagro – Alan Santos/PR

De acordo com o secretário-geral da OEA, a crise na Venezuela que atinge a política, economia e a área social também foi destaque na reunião. “Hoje nos reunimos com o presidente e o chanceler Ernesto Araújo e ministros do gabinete para avançar n processo de redemocratização da Venezuela iniciado pelo presidente interino Juan Guaidó.”

A OEA, o Brasil, os Estados Unidos e vários países e instituições internacionais reconhecem Guaidó, que se autodeclarou presidente da Venezuela, como líder legítimo venezuelano. Porém, o presidente Nicolás Maduro rechaça o reconhecimento e sinaliza que vai se manter no poder.

Nas redes sociais, o presidente e o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) mencionaram o encontro com Almagro. Bolsonaro repetiu as palavras do deputado que destacou a conversa sobre Venezuela, Cuba, a preservação das liberdades individuais e com críticas aos dois governos.

Fonte: Agência Brasil

Comentários Facebook