Bolsa Família bate recorde no acompanhamento de saúde

Neste ano, o acompanhamento de saúde do Bolsa Família atingiu 75,2% das famílias beneficiárias que fazem parte dessa categoria do programa. O resultado, que corresponde a 8,7 milhões de famílias, foi o melhor já registrado no primeiro semestre e o terceiro melhor da história.
Com isso, 5,7 milhões de crianças de até 7 anos tiveram o cartão de vacinas atualizado e 387 mil grávidas realizaram o pré-natal corretamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), com o apoio do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS).
Para o diretor de Condicionalidades do MDS, Eduardo da Silva Pereira, os números mostram que o governo federal está conseguindo acompanhar cada vez mais famílias e, assim, oferecer mais acesso à saúde.
“Quando a família procura o posto de saúde para fazer o acompanhamento das condicionalidades, ela acaba acessando não apenas os serviços de vacinação, de acompanhamento nutricional ou de pré-natal, mas também serviços de saúde direcionados a outros membros da família. Então, você amplia o acesso da saúde não só para os beneficiários que estão sendo acompanhados, mas para toda a família”, explicou.
Condicionalidades
O acompanhamento de saúde faz parte das condicionalidades do Bolsa Família, e consiste em compromissos assumidos pelos beneficiários e pelo poder público para a superação da pobreza. Os recém-nascidos e as crianças de até 7 anos devem ser pesados, medidos e ter o calendário de vacinação atualizado. Mulheres entre 14 e 44 anos que estejam grávidas também devem fazer o acompanhamento pré-natal.
Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério do Desenvolvimento Social