Brasil e Colômbia se enfrentam em Miami

Saudades dos dribles e gols de Neymar? Os brasileiros poderão vê-lo em campo nesta sexta-feira (6) no Hard Rock Stadium em Miami, estádio do Miami Dolphins, às 8:30PM. E, claro, o técnico Tite posicionou já o escalou como titular. Afinal, apesar da má vontade de muitos torcedores, ele ainda é o melhor jogador brasileiro em atividade. Agora, com a definição de sua permanência no PSG, o camisa 10 forma o trio de ataque com Richarlison e Firmino para enfrentar a Colômbia. A escalação de Tite tem Ederson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro; Casemiro, Arthur e Coutinho; Richarlison, Neymar e Firmino.

O camisa 10 não atua desde o dia 5 de junho, quando esteve em campo nos primeiros 21 minutos da vitória por 2 a 0 do Brasil em amistoso com o Catar em Brasília. Na ocasião, ele lesionou o tornozelo direito e foi cortado da Copa América.

Tite colocou o craque na esquerda, mas também o testou pelo meio. O novo posicionamento é algo que o treinador quer trabalhar nos jogos contra Colômbia e Peru nos Estados Unidos. Na atividade, Neymar buscou várias tabelas com Coutinho, tentou jogadas individuais contra Fagner, o lateral-direito reserva, e fez boas jogadas com Richarlison e Daniel Alves.

A imprensa acompanhou apenas 20 minutos do treinamento. A parte aberta para os jornalistas acabou sem gols. As melhores chances do time titular foram com Arthur e Richarlison, barradas em boas intervenções do goleiro palmeirense Weverton.

Depois, a Seleção Brasileira encara o Peru na próxima terça-feira, dia 11, em Los Angeles.

Brasil x Colômbia também na Sub 23

André Jardine orienta os jogadores da Seleção Brasileira Sub 23 (Foto: Fernando Torres/CBF)
André Jardine orienta os jogadores da Seleção Brasileira Sub 23 (Foto: Fernando Torres/CBF)

O técnico André Jardine testou a seleção brasileira sub-23 no amistoso contra a Colômbia realizado nesta quinta-feira (5), no Estádio do Pacaembu em São Paulo.

O treinador montou uma equipe ofensiva, com Antony, Paulinho e Matheus Cunha no ataque. Sem Renan Lodi, que não foi liberado pelo Atlético de Madrid, da Espanha, Guilherme Arana ocupou a lateral esquerda.

Com exceção de Lodi, Jardine teve todos os convocados à disposição pela primeira vez e armou a Seleção com: Cleiton, Emerson, Lyanco, Ibañez e Guilherme Arana; Douglas Luiz, Pedrinho e Wendel; Antony, Paulinho e Matheus Cunha.

A comissão técnica ensaiou o posicionamento dos jogadores e depois organizou um coletivo em campo reduzido. O volante Allan, que defendeu o Fluminense contra o Avaí, na última segunda-feira, ficou fora do treino. Além da Colômbia, a Seleção enfrenta o Chile, segunda (8), também no Pacaembu.

Grêmio eliminado da Copa do Brasil…

O futebol é mesmo imprevisível. Na Copa Libertadores da América, o Grêmio foi derrotado em casa pelo Palmeiras por 1 a 0, com golaço de Gustavo Scarpa. Todos achavam difícil o Triclor gaúcho reverter a vantagem do Alviverde paulista, ainda mais depois de Luiz Adriano ter aberto o placar para o Verdão no Pacaembu. Entretanto, bastaram duas jogadas agudas do Grêmio que resultaram nos gols de Everton e Alisson para a equipe sulina fazer 2 a 1 e se garantir para a semifinal da Copa Libertadores da América contra o Flamengo, que bateu o rival Internacional.

Já na Copa do Brasil, o Grêmio fez boa apresentação em Porto Alegre e abriu 2 a 0 no jogo de ida. Na volta, podia até mesmo perder por um gol de diferença para ir à final da Copa do Brasil. Entretanto, a equipe jogou mal, sentiu a ausência de Everton Cebolinha e ainda perdeu Kanemann expulso no segundo tempo. Resultado final: 2 a 0 Athletico-PR, gols de Nikão e Marco Rubem. Com dois resultados iguais, a decisão foi para os pênaltis. A Arena da Baixada transformou-se em um caldeirão e os batedores do Rubro-negro de Curitiba foram impecáveis convertendo todas as cinco penalidades cobradas. Os gremistas converteram quatro delas, mas o goleiro Santos defendeu a última cobrança de Pepê e colocou o time paranaense na decisão. 

Nos pênaltis, Bruno Guimarães, Galhardo, Lucho González, David Braz, Nikão, Alisson, Cirino, Matheus Henrique e Marco Ruben converteram todas as suas cobranças, sem chances para os goleiros. Coube ao garoto Pepê a quinta e última cobrança do Grêmio. Mas aí brilhou a estrela de Santos, que caiu no canto certo e colocou o Furacão na decisão.

Quem também brilhou foi Marco Ruben. Ele entrou em campo com um jejum de 12 jogos sem marcar pelo Athletico. Não poderia escolher adversário melhor para acabar com a seca. Autor do segundo gol do Furacão na Arena da Baixada, o atacante argentino já foi carrasco do Grêmio na Copa Libertadores. Em 2016, foi o principal responsável pela eliminação tricolor nas oitavas de final, com gol na vitória por 1 a 0 no jogo de ida, na Arena, e outros dois no 3 a 0 jogo de volta, na Argentina. A ironia? O Grêmio já tentou contratá-lo diversas vezes, sem sucesso.

…Inter classificado para a final da Copa do Brasil

D’Alessandro e Paolo Guerrero comemoram o primeiro gol do Inter sobre o Cruzeiro (Foto: Divulgação)
D’Alessandro e Paolo Guerrero comemoram o primeiro gol do Inter sobre o Cruzeiro (Foto: Divulgação)

A desclassificação do Grêmio foi muito comemorada pela torcida do Internacional que lotou o Beira-Rio para o jogo de volta contra o Cruzeiro. E o final não poderia ter sido melhor para os colorados. Dez anos depois, o Internacional está de volta à final da Copa do Brasil. O time gaúcho fez do Beira-Rio um palco em vermelho para uma grande exibição. Se impôs, soube aproveitar as falhas do Cruzeiro e venceu por 3 a 0, no jogo de volta da semifinal – o Colorado também venceu a ida, por 1 a 0. O trio ofensivo de estrangeiros brilhou. D’Alessandro, Nico López e Guerrero ditaram o ritmo. O peruano Guerrero foi o autor dos dois primeiros gols. Edenílson, que abriu o caminho da classificação na partida de ida, fechou a festa com um belo gol.

Os gols do Internacional coroaram o esforço do próprio Guerrero para estar em campo. O atacante entrou em contato com o técnico da seleção do Peru, Ricardo Gareca, e pediu a liberação dos amistosos contra Equador e Brasil, dias 5 e 10 de setembro, respectivamente, para poder atuar contra o Cruzeiro. Aos 39 minutos do primeiro tempo, o peruano abriu o placar. Aos 24 da etapa final, o atacante dominou no peito e bateu forte para ampliar.

A premiação para o campeão será de R$ 52 milhões e o vice ficará com R$ 21 milhões. Por terem entrado já nas oitavas de final, os dois finalistas receberam até o momento pouco mais de R$ 12 milhões.

Sai Felipão, entra Mano

Mano Menezes substitui Felipão como treinador do Palmeiras
Mano Menezes substitui Felipão como treinador do Palmeiras (Foto: palmeiras.com.br)

A semana não poderia ter sido pior para os palmeirenses. A equipe foi eliminada pelo Grêmio nas quartas de final da Copa Libertadores da América ao ser derrotada por 2 a 1, de virada, em pleno Estádio do Pacaembu, em São Paulo. No domingo, em compromisso válido pelo Brasileirão, tomou um chocolate do Flamengo e foi derrotada por 3 a 0 – é bem verdade que teve dois gols anulados pelo VAR e um pênalti discutível contra si. Entretanto, a vitória do Rubro-negro foi incontestável e Jorge Jesus venceu o duelo tático contra Luiz Felipe Scolari. A soma dos dois resultados (sobretudo a eliminação na Copa Libertadores, obsessão dos palmeirenses) foi demais para Felipão e a diretoria optou por sua demissão. Junto com ele, saíram o auxiliar Paulo Turra e o treinador de goleiros Carlos Pracidelli. A diretoria, porém, não perdeu tempo. Logo, entrou em contato com Mano Menezes, que havia sido demitido pelo Cruzeiro, e fechou a contratação de Mano. Com ele, chegam ao Palmeiras também o assistente Sidnei Lobo e o preparador físico Eduardo Silva, conhecido como Dudu. Demonstrando confiança em seu trabalho, Mano confirmou que dirigirá a equipe palmeirense no sábado (7) contra o Goiás, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia. É a tentativa do Palmeiras de vencer o Brasileirão e diminuir a frustração de sua torcida que este ano não comemorou nenhum título ainda.

Morre Andrada, o goleiro do milésimo gol de Pelé

Pelé ao lado de Andrada, goleiro do Vasco da Gama que sofreu o milésimo gol de Pelé
Pelé ao lado de Andrada, goleiro do Vasco da Gama que sofreu o milésimo gol de Pelé

Os mais velhos, como este escriba, hão de se lembrar da noite de 19 de novembro de 1969 quando Pelé, o rei do futebol, cobrou o pênalti e marcou seu milésimo gol contra o argentino Edgard Norberto Andrada, goleiro do Vasco da Gama numa partida entre Santos e Vasco no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. O goleiro, que teve uma boa passagem pelo Cruzmaltino, ficou marcado por este fato. Na quarta-feira (4), o arqueiro que fez história com as camisas do Vasco e do Rosario Central e também atuou na Seleção Argentina faleceu em seu país aos 80 anos de idade. A causa da morte não foi revelada, mas Andrada inscreveu definitivamente seu nome nos anais do futebol. RIP!

É tempo de NFL

Aberta a temporada 2019/2020 da NFL
Aberta a temporada 2019/2020 da NFL

O jogo entre Green Bay Packers e Chicago Bears, realizado na quinta-feira (5) em Chicago marcou o pontapé inicial da temporada 2019-2020 da National Football League (NFL). O Miami Dolphins estreia em casa no domingo (8) contra o Baltimore Ravens, e a torcida do Sul da Flórida espera que esta temporada seja melhor do que as anteriores, onde a equipe quase sempre ficou fora dos playoffs ou era eliminada no primeiro jogo dos playoffs. Como sempre, o time a ser batido é o New England Patriots, atual campeão e maior vencedor dos últimos anos. A dobradinha Bill Belichick (treinador) e Tom Brady (quarterback) talvez seja a mais duradoura e profícua deste esporte. A final já está marcada para fevereiro de 2020. Sabe onde? Em Miami! Portanto, se você é fã de futebol americano pode já ir reservando seu lugar no Hard Rock Stadium.

Fonte: AcheiUSA

Comentários Facebook