Harvard cria projeto para ajudar comunidades imigrantes

A Immigration Initiative at Harvard (IIH), um novo esforço de toda a universidade lançado…

A Immigration Initiative at Harvard (IIH), um novo esforço de toda a universidade lançado nesta quarta-feira (18), reunirá estudantes, pesquisadores e líderes políticos de Harvard para promover pesquisas inovadoras sobre imigração. O projeto é liderado por Roberto Gonzales, professor da Escola de Pós-Graduação em Harvard, um dos principais especialistas em experiências com jovens imigrantes.

A missão central do IIH é construir uma comunidade acadêmica de pesquisadores de todas as escolas e programas de Harvard, para levar líderes nacionais a discutirem sobre imigração e para informar a mídia, os formadores de opinião, profissionais e o público sobre o assunto.

O objetivo é fornecer acesso a pesquisas não partidárias, bem como recomendações sobre políticas de imigração.

O projeto já marcou para o dia 1º de outubro, às 5:30 pm, um fórum que discutirá assuntos relacionados assuntos ligados a questões humanitárias e migração em massa. O evento terá como palestrante Marcelo Suárez-Orozco, da UCLA.

“Nunca houve um momento mais urgente na história de nosso país em relação a questões de incorporação e política para imigrantes”, disse Gonzales. “Os Estados Unidos abrigam uma grande população de imigrantes sem status legal. E nossas políticas nacionais estão se tornando cada vez mais supressivas e punitivas. Há uma necessidade urgente de se reunir para entender e informar melhor o público em geral sobre as consequências da política de imigração para crianças, famílias e comunidades”, continuou.

O IIH inclui um comitê executivo composto por professores de Harvard e líderes comunitários que fornecerão informações sobre programação e atividades. “O lançamento da IIH Iniciativa, sob a liderança do professor Gonzales, não poderia chegar em um momento mais oportuno”, disse Jacqueline Bhabha, professora da Escola de Saúde Pública de Harvard, membro do Comitê Executivo do IIH que estuda questões de imigração transnacional de crianças, proteção de refugiados, direitos e cidadania das crianças.

Fonte: Redação – Brazilian Times.

Fonte: Brazilian Times

Comentários Facebook