Brasileiro que trabalha como policial em Worcester sofre overdose de drogas

Dois policiais de Worcester, Massachusetts, que supostamente tiveram uma overdose dentro da casa…

Dois policiais de Worcester, Massachusetts, que supostamente tiveram uma overdose dentro da casa de um deles no final de junho estão agora em licença administrativa paga enquanto uma investigação interna está em andamento. As informações foram divulgadas pelo MassLive.

Um desses policiais já estava no programa que é conhecido como “acordo de última chance”, que permite que ele mantenha o seu emprego, mas pode ser demitido se alguma das condições do acordo for violada.

De acordo com as informações divulgadas pela mídia, os policiais foram encontrados dentro da casa, em Worcester, e supostamente tiveram uma overdose. São eles, o brasileiro Rodrigo Oliveira e Santo Dell’Aquila.

“O Departamento de Polícia de Worcester foi acionado para ir à uma casa na Hyde Street, em 25 de junho, por volta das 3:00 a.m., onde aconteceria uma visita médica”, relatou o MassLive.

Os registros mostram que o brasileiro possui uma casa em 8 Hyde Street.

Os dois homens estavam inconscientes dentro de casa e os policiais logo perceberam que eles eram policiais de Worcester fora de serviço, de acordo com fontes. Oliveira e Dell’Aquila estavam em diferentes locais da residência e receberam atendimento médico no local.

Ambos os policiais foram tratados por Worcester EMS e administrados com Narcan, um antagonista de opioide indicado para o tratamento de emergência de superdose ou intoxicação aguda. Depois eles foram levados a um hospital na cidade.

Outras pessoas também estavam na casa quando a polícia chegou. Uma delas também foi levada a um hospital de Worcester por estar sob a influência de algo e não estar bem.

Embora fontes tenham dito que os dois policiais supostamente tiveram uma overdose, não está claro qual substância gerou o atendimento de emergência médica.

“O policial Oliveira e o policial Dell’Aquila estão atualmente sob licença administrativa remunerada e há uma investigação interna ativa”, disse uma porta-voz do Departamento de Polícia de Worcester em um comunicado.

Rodrigo já estava em um acordo que não poderia cometer outro erro para não perder o emprego

O departamento forneceu mais detalhes sobre o caso.

Registros obtidos pelo MassLive mostram que Oliveira, um oficial veterano, é que está no “acordo de última chance” depois de um incidente anterior que envolveu o ataque de uma pessoa sob custódia. Parece que Dell’Aquila, oficial mais novo da força policial de Worcester, é membro da Guarda Nacional de Massachusetts. Ele estava entre vários oficiais de Worcester que foram reconhecidos pelo Worcester City Council por servirem a Guarda Nacional e Reservas.

Fonte: Brazilian Times

Comentários Facebook